sábado, 5 de março de 2011

As fórmulas secretas são um belo truque de marketing

Fonte: Público

A fórmula secreta da Coca-Cola foi revelada. Comoção mundial, um dos grandes segredos da Humanidade finalmente desvendado! Mas o fabricante de refrigerantes já desmentiu. Faz sentido: a ideia de uma fórmula secreta é um tremendo truque de marketing. E há outros exemplos por aí.

A fotografia foi publicada num jornal de Atlanta em 1979 e, agora, um programa de rádio lembrou-se de ler o que estava escrito, à mão, naquele caderno já velhinho de décadas. E o que lá estava era a receita da Coca-Cola. Será este o prosaico fim de um dos mitos urbanos mais célebres do último século?

Não, já disse a Coca-Cola. Enquanto o mundo debatia os ingredientes da fórmula e os portugueses sorriam perante a presença de coentros na composição do sabor X7 que entra na receita, a companhia que produz o refrigerante mais famoso do planeta apressou-se a desmentir que o que estava a ser publicado fosse o segredo guardado a sete chaves no cofre de um banco de Atlanta, EUA.

Mas valerá a pena alimentar este debate? Tudo indica que não. A própria Coca-Cola tinha, claramente, pisado o risco quando, há dois anos, lançou uma campanha publicitária em que garantia que só duas pessoas no mundo conheciam a fórmula secreta da bebida. Do ponto de vista comercial, até será um grande golpe de marketing. Mas não pode ser verdade.

"Não é, de todo, possível que apenas duas pessoas conheçam a fórmula secreta da Coca-Cola", constatou Steven D. Levitt na sua coluna Freakonomics, publicada no site do New York Times (e um pouco por todo o mundo). "E, se assim fosse, então os accionistas da empresa deveriam processar a administração."

Um império financeiro como o da Coca-Cola não pode depender de concepções românticas. Mas pode capitalizá-las. E não é caso único. A Kentucky Fried Chicken (KFC) apregoa a sua fórmula secreta, que, alegadamente, foi mantida durante anos apenas na cabeça do fundador da cadeia, Harland Sanders, enquanto a amostra-padrão da mistura de especiarias viajava no seu carro.

Hoje, tal como acontece com a Coca-Cola, a KFC guarda a sua fórmula num cofre - no caso, não de um banco mas na sede da companhia, em Louisville, Kentucky, EUA. É qualquer coisa de extraordinário, diz quem já viu: o cofre abre-se para dar acesso a uma porta com combinação secreta, atrás da qual há um único cacifo, mas dotado de duas fechaduras com segredo. Lá dentro, está a receita, assinada por Sanders.

Sem comentários:

Enviar um comentário